Como árvores plantadas junto a ribeiros de águas

Como já diz a expedição “água viva para o sertão”, águas que como diz em Genesis nasce do trono de Deus, e se transforma num grande e profundo rio que Ezequiel em sua narrativa declara: “porque lá chegaram essas águas e sararão, e viverá tudo por onde quer que entre esse ribeiro”. As águas chegaram no sertão e pela palavra lançamos nossas raízes,como árvores plantadas juntos a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto na estação apropriada, e cujas as folhas não caem, e tudo quanto fizer prosperará.(salmo 1.3)

  A igreja precisa ser como esta árvore, nós somos a igreja, povo frutífero, abençoado de raízes profundas no rio de Deus. O Nosso tempo hoje é o tempo de lançar as nossas raízes mais profundas, pois a terra que antes era seca se tornou em terra boa e frutífera.
  As águas passaram por esta terra e começaram a fluir do nosso interior. O que começou numa expedição de excelência, hoje já está sendo consolidada, árvore plantada que na estação própria dará o seu fruto. A missão batista nacional em Palmeira do Piauí está alargando a sua tenda, gerando frutos e frutos que permaneçam. Nossa pequena missão está se transformando em igreja, lugar onde passa as águas do avivamento, onde fixamos as nossas raízes para, assim, darmos frutos de excelência.
  Olhamos para o sertão não como uma terra seca e improdutiva, mas, como para um lugar onde a chuva de Deus não para de cair. Milagres, cura, salvação são sinais provenientes das águas vivas que brota de Deus. Sertão é o lugar da liberdade, da vida, é onde o anjo do Senhor movimenta as águas que no seu tempo traz a cura, o sertão é betesda, lugar onde as águas se movimentam. (Jo 5;2-4)
   Árvores plantadas junto aos ribeiros, aprisco lugar de ovelhas que descansam em águas tranqüilas (sl;23), igreja casa de profetas, missionários, evangelistas. Assim, precisa ser o corpo de Cristo. A expressão da verdade que precisa nascer dentro dos homens é enxergar a igreja não simplesmente como templo, mas, sim, como povo de propriedade exclusiva de Deus. Seja então, exclusivo de Deus, ame a obra do senhor, pois os campos estão brancos e as águas vivas continuam a fluir.
Pr. Eugênio Serlam

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: